San Martin Principais Atrações Turísticas

Reproduzir vídeo

Laguna Azul, Tarapoto, San Martin

Complexo Arqueológico Gran Pajatén


Este complexo arqueológico pertence à cultura Chachapoyas (1200 – 1500 d.C.) e se encontra na margem direita do rio Montecristo, a 2.850 m.a.n.m., dentro do Parque Nacional Rio Abiseo, declarado Patrimônio Natural e Cultural da Humanidade, pela UNESCO em 1991 e 1992, respectivamente.
Este maravilhoso recinto está situado num lugar de densa vegetação, onde as construções se estendem desde os flancos da meseta e até um sector chamado "Las Palmas", e apresenta edifícios construídos em diferentes níveis. As construções são geralmente de plantas circulares e têm plataformas empedradas e os seus muros apresentam figuras em alto relevo, com motivos geométricos, zoomorfos e antropomorfos, assim como com elementos decorativos. Fazendo uma curta caminhada, a gente chega ao Santuário Funerário "Los Pinchudos" (2.800 m.a.n.m.), edificado num impressionante despenhadeiro, e cujo contexto funerário apresenta coloridos frisos e talhas antropomorfas de madeira.

Cataratas de Ahuashiyacu


A 14 km ao noroeste da cidade de Tarapoto, na estrada de chão até Yurimaguas (30 minutos de automóvel e 15 minutos de caminhada), se encontra esta formosa cachoeira de água cristalina de 40 metros de altura, que corre sobre as rochas, com uma densa vegetação de cada lado da catarata que termina numa poça de uns12 metrosde largo, e na qual é possível banhar-se. A profundidade da poça varia, permitindo espaços para crianças e na sua parte central, é muito mais profunda. A vegetação circundante, com abundantes árvores e samambaias lhe dá uma beleza muito especial, e é possível observar várias espécies de mariposas, aves e insetos.

Lago Sauce


Encontra-se em plena selva alta, ao sul-este da cidade de Tarapoto, na margem direita do rio Huallaga. É um lago produzido por um colapso tectônico ou por falhas tectônicas, com uma extensão de 430,80 hectares. As suas beiras se caracterizam por estar sempre limpas e rodeadas de prados e centros turísticos, assim como do centro povoado de Sauce, da aldeia Dos de Mayo e das instalações do Centro Piscícola Sauce do Ministério de Pescaria. O principal uso do lago é para a piscicultura e pesca extensiva, com a introdução de espécies de peixes, tais como tilapia, gamitana, paco, bocachico, acahurazu e tucunaré.
Possui uma interessante infraestrutura turística para facilitar o acesso, a estadia e o divertimento de turistas nacionais e estrangeiros, com embarcadouros, e a gente pode navegar em botes motorizados, deslizadores e canoas.

Lago Lindo


É uma pequena lagoa de grande beleza, pelo cristalino das suas águas, com uma temperatura media de 27º C, e rodeada de abundante vegetação que se reflete nas suas águas, como num espelho, e as copas de árvores parecem flutuar na sua superfície, já que a lagoa foi formada a partir do represamento de água das chuvas.
É peculiar observar as copas destas árvores que emergem da água, nas quais têm crescido samambaias, formando ninhos de aves que, frequentemente, passam rasando a água. Ali, se observam patos silvestres, paucares, Martins pescadores, manacaracos, etc. A lagoa está rodeada de cerros com abundante vegetação típica do bosque tropical.

Lagoa Venecia


É uma lagoa formada a partir da concentração de aguajes (Um tipo de palmeira) que rodeiam a lagoa, lhe dando uma beleza muito especial. Tem uma forma ovalada de60 metrosde largo e170 metrosde comprimento, com uma profundeza de 2,5 metros, e possui um pequeno zoológico.

Rápidos do Vaqueiro


Estão situados em plena selva alta, dentro da zona de bosque seco tropical, com águas de cor verdosa no verão e lodosa em época de crescida, a uma altitude de280 a300 m.a.n.m., com bosques naturais sobre as suas beiras e nas áreas de fortes pendentes.
O recorrido do rio Huallaga é tumultuoso, irregular e condicionado por um curso que se estreita e muda constantemente de inclinação entre Pilluana e Chazuta, no sector nomeado Vaqueiro, onde se encontram os rápidos de Vaquero e Chumia.
Nesta zona, o curso do rio Huallaga se torna muito mais estreito ao atravessar ou cortar uma ramificação da cordilheira andina, por um irregular desfiladeiro, formando rápidos que se denominam Mao Passo, dificultando a navegação, e este grado de dificuldade oferece uma atração singular para a prática do rafting e da pesca.

Banhos Termais de Paucaryacu


A 35 km de Tarapoto (1 hora e 30 minutos), no caminho até Sauce, se encontram três poças de águas sulfurosas, salgadas e quentes, com temperaturas medias de 25, 36 e 45º C, às quais a gente atribui propriedades medicinais.

Cascadas de Carpishoyaku e Banhos Termais de San José


A 36 km de Tarapoto (1 hora), na estrada de chão até Yurimaguas, e após uma caminhada de 20 minutos, a gente chega aos banhos termais que são um conjunto de pequenas cachoeiras de água quente que brotam do cerro. Desde este ponto, dá para caminhar ainda 15 minutos, para chegar a uma grande poça de águas temperadas.

Mais sobre San Martin - Tarapoto: